Tv Nordeste

Escritores de Guarajuba

    Escritora traz memórias de amor em Guarajuba para abrir Concurso de Literatura


 .......Guarajuba: um lugar de Identidade, Memória e Cultura

Não poderia pensar ou memorar a minha infância sem recordar de Guarajuba. Uma praia que traduz encanto, cujo conjunto a torna singular. Ela é como um achado depois de uma intensa busca, ou como um subterfúgio diante de um caos.

Foi em Guarajuba que minha avó, meu avô, meus tios e tias extraíram sustento por longos anos, da pesca ao comércio litorâneo. E à medida que os anos passavam, a praia parecia amadurecer junto modificações que aconteciam conosco e com ela.

Minha mente infantil costumava guardar que os verões eram sinônimos de sol, de festejos e de encanto pelo mar. Poucos sabem das peculiaridades das poças do seu recife, e lhes afirmo: há mais mistérios entre Guarajuba e a Praia da Espera do que se possa imaginar! O mesmo mar que as envolve parece se comportar de modo distinto, como que obrigado para suas características delimitar. Seus pescadores, filhos da terra, migram de Monte Gordo para esse mar, e o mar por sua vez só deseja os abrigar, dando seu sustento contínuo, alimentando um povo, uma cultura e um ciclo.

Em Guarajuba cada maré é bem definida, não há quem conteste que uma maré alta não lhe puxe em correnteza ou que as marés de março não assustem. Ainda assim muito bela! Não me levem a mal por enaltecê-la, mas porque meus pés pisaram tanto seu solo que sempre carregarei essa sensação de familiaridade. Nesse caso de amor litorâneo, sou réu confessa e confesso à Guarajuba todo meu amor praieiro. Agora que cresci, tenho a sorte de dizer que minhas memórias cresceram também, um imenso baú-litoral! Basta fechar os olhos e ter acesso a esse memorial.

Com enorme carinho literário Lariane.

Autora: Lariane Conceição dos Santos


 

CADASTRE SEU E-MAIL
E RECEBA CORRESPONDÊNCIA COM PROMOÇÕES

Horóscopo do Dia

publicidade

publicidade

Passeios no Chile

tempo
Horóscopo do Dia
publicidade